Lady Gaga se manifesta sobre o assassinato de George Floyd; confira tradução
Trending ⚡

Lady Gaga se manifesta sobre o assassinato de George Floyd; confira tradução

foto por Norbert Schoerner/Montagem

Lady Gaga se manifesta sobre o assassinato de George Floyd; confira tradução

começa após a publicidade

A cantora Lady Gaga, que recentemente alcançou uma das melhores estreias da história do streaming no Brasil, foi às mídias sociais para se posicionar sobre o assassinato de George Floyd, morto por um policial branco enquanto agonizava no chão sem conseguir respirar por aproximadamente nove minutos.

O caso de George Floyd gerou uma revolta mundial. Entretanto, mais especificamente nos Estados Unidos, levou a população às ruas devido à promoção da violência contra populações negras por parte de autoridades policiais. Há cinco dias desde que as cidades estadunidenses vêm sediando protestos contra o assassinato de Floyd, que se tornam cada vez maiores.

Beyoncé, que dificilmente vai ao Instagram, gravou um vídeo endereçado à comunidade afro-americana e a todas as pessoas que se indignaram diante da brutalidade. Rihanna também se mostrou indignada e publicou um texto com forte carga emocional em seu Instagram. Além disso; outras celebridades da música pop como Ariana Grande, Halsey, Melanie Martinez e Lauren Jauregui têm participado ativamente dos protestos. Harry Styles, ex-integrante da banda One Direction, se propôs a pagar a fiança de pessoas que foram detidas ao protestar.

Confira o pronunciamento de Lady Gaga; em tradução livre:

continua após a publicidade

“Eu tenho muitas coisas para dizer sobre isso, mas a primeira coisa que quero expor é que tenho medo de dizer algo e incitar mais raiva, embora a emoção seja totalmente justificável. Eu não quero contribuir para mais violência, eu quero contribuir para acharmos uma solução. Eu estou indignada pela morte de George Floyd como sempre estive pelo assassinato exponencial de pessoas negras que acontece por centenas e centenas de anos nesse país como resultado de um racismo sistêmico e um sistema corrupto que o apoia.

As vozes da comunidade negra vêm sendo silenciadas por muito tempo e esse silêncio vem se mostrando mortal mais uma vez. E não importa o que façam nos protestos, eles ainda não possuem a compaixão dos líderes que deveriam protegê-los. Todos os dias as pessoas nos Estados Unidos da América são racistas, isso é um fato.

O momento atual é crucial para a comunidade negra ter suporte de outras comunidades para que possamos dar um basta ao que é intrinsecamente errado, pela graça de Deus ou qualquer outro criador no qual você acredita ou não.

Nós sabemos há algum tempo que o presidente Donald Trump vem falhando. Ele detém o gabinete mais poderoso do mundo, e ainda assim não oferece algo além de ignorância e preconceito enquanto as vidas de pessoas negras são retiradas. Nós sabemos que ele é idiota e racista desde que assumiu o cargo. Ele está alimentando um sistema que é enraizado pelo racismo e atitudes racistas, e todos nós podemos ver o que está acontecendo. É tempo de mudança.

continua após a publicidade

Eu imploro para que as pessoas falem umas com as outras de forma educada, com paixão, inspiração, para mostrar a importância desse problema até que o sistema que nos deixa doentes morra em vez das pessoas que amamos.

Nós DEVEMOS mostrar nosso amor à comunidade negra. Como uma mulher branca e privilegiada, eu faço um juramento a essas premissas. Nós não temos feito, como uma comunidade privilegiada, o suficiente para lutar contra o racismo e nos impormos por aquelas pessoas que estão morrendo por isso.

Isso não é justiça. Isso é uma tragédia épica que define nosso país desde há muito tempo. Eu estou triste. Eu estou com raiva. E eu vou usar as palavras que eu consigo achar para me comunicar com o que precisa de mudança em um modo efetivo e não violento para mim.”

continua após a publicidade

Lady Gaga se manifesta sobre o assassinato de George Floyd; confira tradução
To Top