Hashtag Pop

Britney Spears fala pela primeira vez no tribunal e pede pelo fim de tutela controlada pelo pai: ‘Estou traumatizada. Não estou feliz, não consigo dormir’

Durante o depoimento, Britney Spears revelou que não pode tirar DIU para engravidar e que foi forçada a fazer turnê em 2018. Jamie Spears, pai da artista, é tutor da filha desde 2008. #FreeBritney.

publicado em
Foto: Reprodução/Instagram

Após anos de espera, finalmente Britney Spears foi ouvida sobre o caso de sua tutela. Nesta quarta-feira (23), a princesa do pop esteve em audiência, no tribunal de Los Angeles e falou sobre o controle que o pai, Jamie Spears, tem sobre sua vida pessoal, carreira, vida financeira e negócio desde 2008.

O desejo de falar diretamente à Corte foi um pedido da própria Britney. O encontro com a juíza aconteceu virtualmente. Logo no início da audiência, uma advogada chegou a pedir sigilo, mas a própria estrela pop falou que queria que os registros fossem divulgados. Através de uma chamada de vídeo, cujo áudio pôde ser ouvido pelos fãs e milhares de admiradores ao redor do mundo, Britney relatou detalhes de como vem sendo tratada nos últimos anos.

Trechos do depoimento foram compartilhados nas redes sociais por fãs da cantora, acompanhados da hashtag #FreeBritney. A seguir você pode ler um resumo do que foi abordado:

Em discurso emocionante, Britney Spears afirmou que mentiu nas vezes que falava para o mundo inteiro que estava bem ou que estava feliz.

“Depois de dizer ao mundo que eu estou bem, isso é uma mentira. Não estou feliz, não consigo dormir, eu estou deprimida e choro todos os dias” – disse.
“Eu disse ao mundo que eu estava bem, mas era uma mentira. Eu estou traumatizada, estou chocada e com uma raiva que é absurda”, lamentou.

Ela ainda revelou quer expor para o mundo tudo que sofreu nas mãos do pai e demais conservadores que estão à frente de sua tutela, demonstrando desejo de processar a família.

“Honestamente eu gostaria de processar minha família. Gostaria de compartilhar com o mundo toda minha história e o que eles fizeram comigo. […] Eles fizeram um ótimo trabalho explorando minha vida, então eu acho que esta deve ser uma audiência aberta. Não estou aqui para ser uma escrava” – relatou.

Em determinado momento, Britney Spears afirmou que deseja acabar com a tutela o mais rápido possível para ter sua vida de volta.

“Quero acabar com a tutela sem ser avaliada [psicologicamente]. Eu quero fazer uma petição para acabar com a tutela. Eu só quero minha vida de volta. Já se passaram 13 anos e é o suficiente. É o suficiente e não faz nenhum sentido… eu estou farta”, declarou.

Ela também relatou que diversas vezes foi forçada a trabalhar, afirmando que foi obrigada a fazer uma turnê em 2018, sem espaço para descanso, e comparou a situação como um caso de tráfico sexual.

“Na Califórnia a única coisa parecida com isso é chamada de tráfico sexual. Fazer alguém trabalhar contra a sua vontade, retirar todos os seus bens, cartão de crédito, dinheiro, telefone, passaporte” – disse. “Não apenas minha família não fez nada, como meu pai foi totalmente a favor”, completou.

Ainda sobre o pai e os demais envolvidos na tutela da estrela pop, Britney afirmou que todos merecem ir para a cadeia. Além disso, ela destacou que o Jamie Spears, o pai, sempre amou estar no comando da carreira da filha.

“Meu pai e qualquer envolvido nessa tutela, incluindo meu gestor, precisam ir pra cadeia”, disse. “Eu chorei ao telefone por uma hora e ele amou cada minuto. O controle que ele tinha sobre alguém tão poderosa quanto eu, ele amou o controle para machucar a própria filha. Ele adorou cem mil por cento”.

Ao decorrer da conversa, Britney Spears revelou que vive com um DIU e que deseja retirá-lo para engravidar, mas que o pais e os demais conservadores a proíbem de ir ao médico.

“Tenho um DIU em meu corpo agora que não me deixa ter um bebê e meus conservadores não me deixam ir ao médico para retirá-lo”, relatou

Já no fim da audiência, Britney Spears ressaltou que deseja o fim da tutela para que a artista assuma de vez o controle de sua vida.

“Então, basicamente, essa tutela está me fazendo mais mal do que bem. Eu mereço ter uma vida. Eu trabalhei a vida inteira e mereço ter uma pausa de dois ou três anos e fazer o que eu quiser. Eu gostaria de ficar ao telefone com vocês para sempre porque na hora que saio do telefone eu só ouço ‘não, não, não’. Estou cansada de me sentir sozinha. Eu mereço ter os mesmos direitos que todas as pessoas têm. Ter um filho, uma família, qualquer uma dessas coisas e muito mais. E isso é tudo que eu queria dizer a vocês. Muito obrigado por me deixar falar com você hoje”, finalizou.

No meio da audiência, a juíza orientou o advogado de Britney Spears sobre como entrar com um pedido para o encerramento da tutela.

Aparece na notícia:,
Topo