Trending ⚡

#KanyeWestIsOverParty: fãs de Taylor Swift compartilham vídeo que contradiz história do rapper

taylorkanye scaled - #KanyeWestIsOverParty: fãs de Taylor Swift compartilham vídeo que contradiz história do rapper
continua após a publicidade

A rede de fãs da cantora estadunidense Taylor Swift levou a hashtag #KanyeWestIsOverParty aos assuntos mais comentados do mundo no Twitter. Essa situação foi revivida após o vazamento de uma versão completa do registro telefônico entre Kanye West e Taylor Swift realizado antes do lançamento da música “Famous”.

Essa canção foi pivô de um segundo atrito público entre Taylor e Kanye, sendo o primeiro em 2010 quando o rapper tomou o microfone do VMA para declarar que a então cantora country não merecia o prêmio de “Best Female Video” com “You Belong With Me”. O argumento do cantor foi de que Beyoncé deveria levar o prêmio mais importante da categoria feminina com “Sweet Dreams”.

O segundo atrito começou a acontecer em 2015, quando Kanye West subiu ao palco do VMA e segurou o show por 12 minutos, com citações ao episódio de 2009. Ele fez um pedido de desculpas — não sendo uma desculpa em si — e alguns meses depois lançou a música “Famous” com uma controvérsia em relação ao nome de Taylor Swift:

continua após a publicidade

For all my Southside niggas that know me best

I feel like me and Taylor might still have sex

“Para todos os meus manos do Sul que me conhecem muito bem
Eu sinto que eu e a Taylor ainda vamos transar”

Na época, Taylor fez declarações que deixavam claras suas posições em não endossar ou concordar com o conteúdo da música. Kim Kardashian, em uma forma de defender o marido, resolveu se envolver na história ao publicar um vídeo no qual mostrava Kanye e Taylor ao telefone. A versão postada por Kim era muito curta e não dizia muito sobre a clareza do assunto, mas tentava de qualquer forma corroborar com a narrativa do rapper.

https://twitter.com/hxartbreakprinc/status/1241273659261472770

Atualizaremos para uma versão legendada assim que disponível.

Em razão disso, Taylor chegou até a lançar músicas com versos que deixavam claras suas insatisfações com a perseguição de Kanye a seu nome. A faixa “Look What You Made Me Do” se tornou um hit espontâneo e juntamente com “Bad Blood” são apontadas como shades.

continua após a publicidade

Ainda que tenha passado mais de 10 anos, as farpas trocadas pelos dois continuam a ecoar na internet. Durante a madrugada desse sábado (21/03), fãs da popstar compartilharam uma versão estendida e inédita da conversa entre os artistas. Com trechos que haviam sido suprimidos na postagem de Kim Kardashian, Taylor mantém sua coerência dizendo que não havia gostado do verso e ainda argumenta que Kanye não foi o responsável por torná-la famosa.

A internet, como sempre, não perdoou. Milhares de internautas foram ao Twitter expressar solidariedade à cantora, vítima de ataques desde o começo de tudo. Além disso, os usuários das redes aproveitaram para criar memes deixando a história um pouco mais descontraída.

O Hashtag Pop continuará atualizando informações sobre o desdobrar dessa ocorrência. Nenhum dos artistas ainda se manifestou.

continua após a publicidade

To Top