Hashtag Pop

Divino B’Atista prepara o lançamento de ‘Fugir ou Fingir’, seu primeiro álbum

publicado em
Foto: Divulgação

O cantor e escritor Divino B’Atista, autor dos livros “Apaixonada Por Um Idiota” e “No Último Volume”, se prepara para o lançamento de seu primeiro álbum chamado “Fugir ou Fingir“. O projeto, programado para o dia 16 de maio, com oito músicas disponíveis em todas as plataformas digitais, incluindo “SDDS“ e “Meu Querer – Remix“. O novo trabalho é apresentado como uma versão Deluxe de seus dois últimos EPs homônimos, lançados anteriormente com em divisões de “Lado A” e “Lado B“ e atualmente removidos das plataformas.

SDDS”, que é uma faixa funk dançante, produzida também por Divino B’Atista com a participação do cantor Airon A5. Na letra, os dois retratam carências e motivos após momentos íntimos com sua amada implorando para que a mesma voltasse logo. “Eu sei que você acabou de sair do meu colchão, mas é que a saudade voltou“, diz ambos em uma parte da música.

Essa faixa estava totalmente fora do planejamento do meu álbum e até foi liberada recentemente nas plataformas, mas fiz questão de colocá-la justamente pela proposta que a mesma nos apresenta. É um funk romântico. Sem palavrões e apelos machistas ou sexistas. Aliás, eu estou trabalhando nesse álbum e nesse tema há bastante tempo, de forma independe e de single a single. ‘SDDS’ veio de uma forma despretensiosa, inicialmente a faixa seria exclusiva do Airon A5, já que ele escreveu a letra. Estávamos montando o seu EP, que será lançado em breve através do meu selo.

Quando ouvi a letra rapidamente me apaixonei e já me auto convidei para participar da faixa e ele aceitou sem titubear. Porém, acredito que no álbum, a faixa que ganhará mais destaque é a ‘Meu Querer – Remix” cujos números de streams já passaram à frente de todas as minhas canções já lançadas, por ser algo mais pop. Mesmo se tratando de um Funk romântico, minha proposta inicial, é o que eu quero fazer no momento e acredito que vai dar muito certo. Espero que todos ouçam bastante.“, conta o artista.

Junto com as outras sete faixas já disponíveis nas plataformas digitais, o “Fugir ou Fingir” explora toda a versatilidade do artista ao trazerem sonoridades diferentes, que vão do trap ao funk e o rap. Em “Ainda Quer Ficar (Comigo)?”, há uma representação de suas atitudes em relação à vida a dois, culminando em trechos em espanhol com a participação do cantor colombiano Charles Cash, sendo esse seu primeiro feat internacional.

Particularmente eu considero essa colaboração com o Charles a melhor de todas. Na real. Sempre quis ter uma música em espanhol e, mesmo que a letra não tenha 100% do idioma, eu já surtei com o resultado final“, relata o artista.

Divino B’Atista deu início ao projeto “Fugir ou Fingir” em 2020, trabalhando individualmente cada faixa, o que fez com que as canções tivessem um desempenho melhor do que se tivessem sido lançadas em um compilado.

Comecei com a faixa “Meu Querer”, que já conta com 4 versões: a versão original, a “Pt 2” também com a participação do Airon A5, o “Remix” que segue com a colaboração do MC Morenno e a versão “Ao Vivo” com ambos cantando comigo“, relembra o artista.

O artista conta que sua carreira na música surgiu devido ao sonho de dar voz às canções escritas por ele mesmo, ambientadas, em sua maioria, através de personagens criados por ele mesmo no universo de seus livros.

Nunca fiz aula de canto, porém sempre cantei na igreja durante minha infância/adolescência e me apresentava nos festivais do colégio. Comecei com algumas faixas totalmente diferentes da proposta que o álbum tem atualmente, afinal se tratava de músicas para os livros. Percebi na hora que, se eu poderia lançar minhas músicas, eu também poderia ajudar outros pequenos artistas escondidos por aí. Mas para que isso funcionasse de forma profissional, resolvi então criar o selo PARUM MUSIC. Atualmente já contamos com 3 artistas no catálogo. “Parum”, vem do latim, e significa “pequeno”. Eu sempre quis deixar claro que o selo se basearia nos pequenos artistas “, explica o escritor.

Decidido a focar nessas áreas, agora, o investimento também faz parte de sua carreira profissional. Em “Meu Querer – Remix” e “Sdds”, Divino B’Atista mostra que, segundo o próprio artista, há a possibilidade de realizar um funk romântico sem o uso de palavras explícitas.

Divino B’Atista prepara o lançamento de 'Fugir ou Fingir', seu primeiro álbum
Aparece na notícia:,
Topo