Hashtag Pop

Clipe de Francinne é retirado do ar após reivindicação de antigo gerenciamento

publicado em
Clipe de Francinne é retirado do ar após reivindicação de antigo gerenciamento
Foto: Felipe Garcia
Google Notícias

Nesta sexta-feira, dia 26, a cantora Francinne lançou em todas as plataformas de streaming o seu novo projeto musical chamado “Takedown“. Junto com o EP, o novo trabalho da cantora pop ganhou um videoclipe divulgado no canal oficial de Francinne no YouTube.

Infelizmente, pouco menos de 2 horas após o lançamento, o clipe de Francinne foi retirado do YouTube após reivindicação da antiga empresa que a cantora era gerenciada, a Massiva Records. Na mensagem publicada, a plataforma confirma que o video saiu do ar após sofrer copyright. “Este vídeo não está mais disponível devido à reivindicação de direitos autorais de Massiva Music.

Foto: Reprodução/YouTube
Foto: Reprodução/YouTube

Procurado pelo Hashtag Pop, Fábio Almeida, conhecido como Mister Jam, afirmou que o procedimento aconteceu de forma indevida por um funcionário da empresa. O ex empresário de Francinne ainda afirmou que o mesmo foi desligado da Massiva Music.

Notamos o equivoco e corrigi pessoalmente através de um e-mail meu solicitando o take back imediato ao YouTube, o que deve ocorrer em algumas horas“, disse.

Clipe de Francinne é retirado do ar após reivindicação de antigo gerenciamento

A empresa responsável pela plataforma YouTube no Brasil informou ao Hashtag Pop que está checando as informações internas sobre o ocorrido, mas pelo aviso de indisponibilidade do próprio vídeo foi uma questão de reivindicação de direitos autorais. 

Quando você recebe um aviso de direitos autorais, isso significa que um detentor de direitos autorais nos enviou uma solicitação de remoção oficial completa e válida por usar conteúdo deles protegido por direitos autorais. Quando recebemos esse tipo de notificação, removemos seu vídeo para cumprir a lei de direitos autorais. Um vídeo pode receber apenas um aviso de direitos autorais por vez. Não esqueça que um vídeo pode ser removido por outros motivos além dos direitos autorais e que as reivindicações do Content ID não resultam em um aviso.

Nas redes sociais, Francinne emitiu um comunicado e informou aos fãs que todas as medidas cabíveis já estão sendo tomadas. “Ressaltamos que isso não é uma estratégia de divulgação. De acordo coma as informações disponibilizadas pela plataforma, como vocês podem conferir no print a seguir, outro selo musical pediu a derrubada do video alegando ter direitos sobre a musica.

Confira o comunicado completo:

Até o fechamento desta matéria, o novo videoclipe de Francinne não voltou a ser disponível na plataforma.

Aparece na notícia:,
Topo